Facebook

New Balance FuelCell Propel: nova opção de amortecimento da marca – Ativo

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

A americana New Balance quer cada vez mais mostrar à
comunidade da corrida e do triathlon que nem só da linha lifestyle ela deveria ser
reconhecida. A cada nova coleção, além dos principais modelos apresentarem
mudanças com relação ao design, novos modelos de performance e para treinos
diários são lançados no mercado. Desta vez, é o FuelCell Propel.

O modelo lembra muito, tanto em relação ao design quanto à estabilidade, amortecimento e resposta, o nem tão famoso Reebok Speed Racer – este modelo foi utilizado pelos ex-triatletas profissionais Oscar Galindez em Kona 2004 e pelo Alemão Normann Stadler em Kona 2006, ano em que conquistou o bicampeonato.

No início de agosto, foi a vez da New Balance lançar o modelo FuelCell Propel, com um design muito semelhante ao Rebel, mas para treinos diários.

Leia mais

10 lojas especializadas em tênis de corrida nos EUA que valem visitar

Nike Pegasus Turbo 2: malha de cabedal é a única mudança

New Balance FuelCell Rebel: design e leveza chamam atenção

Só de calçar e dar alguns passos, já é perceptível ser um
tênis macio e confortável e que não deixa nada a desejar ao New Balance 1080,
modelo de amortecimento da marca. Os dois, no entanto, usam tecnologias
completamente diferentes.

Como já tive o 1080, posso comparar os dois e fico com o
novo Propel. É um pouco mais leve que o 1080 e tem a forma um pouco mais larga.

A densidade de espuma da entressola em FuelCell, que é a tecnologia de amortecimento presente no tênis, é bem macia, e os quatro blocos de borracha no solado não são rígidos, deixando a entressola trabalhar bem na aterrisagem e decolagem.

Acredito que a vida útil pode ser um pouco menor em razão do
solado não ter borracha tão rígida como outros modelos, que entretanto batem
mais seco.

Certamente, o New Balance FuelCell Propel será um modelo que
pode duelar com o Nike Pegasus Turbo. Estou comparando somente com o Turbo, já
que as densidades de espuma são parecidas quando falamos de maciez. O Turbo é
mais leve, e o Propel mais estável.

O que a New Balance pode evoluir na próxima edição é fazer a
malha de cabedal com tramas maias abertas na área dos dedos, colocar a lingueta
como peça única integrada à malha, como já é no Rebel, ter o colar de calce com
menos enchimento de espuma e reduzir a altura da área do calcanhar, que não
precisa ser tão alta.

Considerando o preço de alguns outros modelos intermediários de amortecimento, o valor de R$ 549, no meu ponto de vista, vale o investimento.

New Balance FuelCell Propel

Categoria: Amortecimento

Pisada: Neutra

Drop: 6mm (27mm calcanhar / 21mm frente)

Peso: 290g (tamanho 43 masculino)

Preço: R$549,90

Fonte Oficial: Ativo.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal Corrida.

Comentários

Compartilhar:

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!