Facebook

Hábitos que limitam o sucesso no esporte – Ativo

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Em tantos anos no esporte, correndo, monitorando atletas e observando o comportamento de milhares de praticantes, um ponto me incomoda profundamente: a frustração dos atletas por não conseguirem atingir suas metas.

É impossível apontar um motivo único que limita o desenvolvimento do atleta e causa esta frustração, mas existe um que se torna o pivô para outros e tem relação direta com o fracasso: hábitos destrutivos.

Antes de iniciarmos um projeto, precisamos alinhar nossas expectativas com a dedicação a ele. Para quem acredita que pode dar uma de esperto, cortar caminho e encontrar equações mágica, tenha em mente que tudo isso pode até funcionar, mas terá vida útil curta. O sucesso depende de bons hábitos associados, muita disciplina e dedicação.

Hábitos destrutivos que limitam o sucesso no esporte

Irregularidade de treinos

A regularidade, ou a continuidade, é considerada um dos princípios do treinamento esportivo mais importantes para que haja qualquer avanço. Além disso, o “atleta de final de semana” coloca em risco sua saúde ao treinar esporadicamente.

Sobrepeso e vacilos com a alimentação

A dieta alinhada à atividade física é um poderoso potencializador de resultados. Maus hábitos alimentares limitam qualquer progresso. O sobrepeso tem relação inversamente proporcional com o rendimento, principalmente em esportes de endurance e impacto, como a corrida de rua. São raros os esportes em que o sobrepeso se torna um aliado para o resultado. Para a saúde, ele nunca será positivo.

Autoestima baixa

Não acreditar que seremos capazes de realizar nossos sonhos e atingir nossas metas é, talvez, o primeiro obstáculo que precisa ser superado. Uma mente autoconfiante e positiva nos levará a lugares nunca antes imaginados.

Desorganização e falta de foco

Com a nossa rotina maluca, quanto mais organizados e focados estivermos, menor será a chance de agentes externos nos derrubarem e nos tirarem do caminho para o sucesso. Ao longo do dia, diversos compromissos e imprevistos acontecem. Por isso, é importante ter um plano A e B em mente, não inventar desculpas e ter ferramentas em mãos para driblar as adversidades.

Mostrar resultados para os outros

Mesmo sabendo que é importante receber feedback e ser reconhecido pelos nossos feitos, não podemos esquecer do nosso propósito. Precisamos parar de nos preocupar com o que os outros vão achar disso ou daquilo que fazemos. Devemos sentir orgulho de nós mesmos e fazer sempre nosso melhor.

Bons treinos, boa prova e bora pra cima, galera!

Leia mais

Treino de força para corredores: recomendações práticas

10 dicas para não abandonar os treinos

Resiliência, nossa carta na manga!

Fonte Oficial: Ativo.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal Corrida.

Comentários

Compartilhar:

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!