Facebook

Brasil é campeão mundial do revezamento 4×100 masculino – Gazeta Esportiva

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +
Brasil foi apenas dois centésimos mais rápido que os EUA (Foto: Divulgação/IAAF)

Na manhã deste domingo, o Brasil foi campeão mundial do revezamento 4×100 masculino no Estádio de Yokohama, no Japão. No mesmo palco onde a Seleção Brasileira de futebol foi campeã em 2002, Rodrigo Nascimento, Derick Silva, Jorge Vides e Paulo André cravaram 38s05, apenas dois centésimos a menos que o quarteto norte-americano. A terceira colocação ficou com a Grã-Bretanha, com tempo de 38s15.

“É muita alegria. Vocês não têm noção do que a gente passa para estar aqui. A gente merecia muito, muito mesmo. Somos campeões mundiais…Estamos muito felizes, muito felizes mesmo. A gente treinou, passou muito tempo fora de casa. A gente é campeão mundial e ninguém tira isso da gente”, disse Paulo André, em declarações ao SporTV.

Justin Gatlin, atual campeão mundial dos 100m rasos, integrava o time norte-americano, mas não foi páreo para os brasileiros, que além do título mundial, ainda cravaram a melhor marca do ano na categoria. Além disso, o resultado também é histórico por ser o primeiro ouro do Brasil, que já havia conquistado prata na Olimpíada de Sydney 2000 e bronze nos Jogos de Atlanta 1996.

“A gente tem um grupo muito qualificado e tudo graças à confiança que a Seleção teve em nós e ele (o técnico Felipe de Siqueira) depositou em nós. Ele é o cara!”, agradeceu Jorge.

Já no feminino, o Time Brasil ficou com quarta colocação. Ana Carolina Azevedo, Lorraine Martins, Franciela Krasucki e Vitória Rosa fizeram 43s75, pouco atrás da Alemanha, bronze com 43s68. O ouro foi das norte-americanas, com 43s27, apenas dois centésimos mais rápidas que a equipe da Jamaica.

“A gente fica triste porque o quarto lugar dói, fica perto da medalha. Estamos com uma equipe nova. É a primeira vez que a gente está correndo com essa formação e ainda temos muito a evoluir”, comentou Franciela.

 

 

Fonte Oficial: Gazeta Esportiva.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal Corrida.

Comentários

Compartilhar:

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!